Rottweiler

Rottweiler

História e curiosidades

Rottweiler. Este nome tão intimidante na verdade provém de uma cidade alemã de onde nasceu a raça, nada a ver com a sua ferocidade ao contrário do que muitos pensavam. Existem duas teorias: uma diz que é um descendente do Bouvier Bávaro, a outra indica que é um descendente dos Mastiffs que surgiram durante a invasão dos romanos.

Foi durante o século XX que o Rottweiler começou a expandir-se pelos vários pela Europa e América do norte, sendo que hoje em dia inclusive é um raça que ajuda tanto a polícia como o exército.

Características físicas

Sendo um cão relativamente grande e relativamente pesado, os machos podem chegar até aos 60 cm de altura e aos 50 kg de peso, Em relação às fêmeas, podemos encontrar um máximo com 5 cm a menos e de 10 kg também a menos. Como vemos, a tendência é para os machos serem maiores e mais pesados.

Musculado e ágil, dispõe de uma longa cabeça que mantem uns olhos pequenos mas bastante expressivos. Todo o animal transmite ferocidade para estranhos e segurança para os donos do Rottweiler.

O seu pêlo é espesso mas curto. A cauda também é cortada, pelo que não é nada comum ver-se caudas de tamanho médio sequer. Em relação à cor do pêlo, o preto com manchas castanhas é sem dúvida a cor por excelência.

Características psicológicas

Provavelmente quando pensas em Rottweilers pensas num cão feroz e até perigoso, mas é tão perigoso como qualquer outra raça, a diferença é que todo o seu corpo parece uma máquina de combate, o que dá algum medo a muitos.

A verdade é que não é uma raça recomendada para quem não tem muita experiência a treinar e educar cães, já que também têm um carácter difícil. Bastante teimosos, mas com mão firme ele transforma-se por completo.

Se for devidamente educado, torna-se um animal bastante calmo, obediente e uma excelente companhia para as crianças. É que este animal é capaz de dar o corpo para proteger uma criança. Devidamente treinado torna-se naturalmente um excelente cão de guarda.

Cuidados a ter

O exercício físico é bastante importante para esta raça. Para que esteja sempre em perfeitas condições de saúde, este animal precisa de um par de horas de exercício diário no mínimo. Isto ajudará não só a que os seus músculos não atrofiem, como manterá a sua sanidade mental.

Como vês, necessitas de ter tempo para ele para que ele cresça de forma saudável. Tem sempre água preparada para ele, já que com o exercício ele terá muita sede e necessitará de muita água.

Compártelo en tu red social:
Más en Animais - Cães:
Aviso legal Contacto Google+ Facebook